O que é site responsivo e como funciona?

Não é novidade pra ninguém que os hábitos de consumo mudaram, mas às vezes não percebemos o quanto a tecnologia está inserida no nosso dia a dia. Tem muita gente que resolve praticamente tudo usando só o smartphone: faz as compras do supermercado, chama um Uber, acompanha a rotina escolar dos filhos, agenda consultas médicas e muito mais. Por isso, ter um site responsivo é fundamental para posicionar melhor o seu negócio.

Uma pesquisa encomendada pelo Google Brasil revela que o hábito de pesquisar no computador, seja notebook ou desktop, já não é mais predominante. A expectativa de 79% dos usuários de smartphones é obter informações imediatas para suas pesquisas. Isso significa que o seu negócio precisa de um site responsivo para proporcionar uma melhor experiência ao consumidor.

Mas afinal, o que é um site responsivo?

O site responsivo é desenvolvido para se adaptar aos equipamentos mobile, como smartphones e tablets. O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae)recomenda que os negócios tenham uma versão mobile de sua página para alcançar um público maior e impulsionar as vendas. Destacamos abaixo algumas das vantagens de ter um site responsivo:

  1. O conteúdo se adapta ao tamanho da tela.
  2. Os elementos se ajustam automaticamente para uma rolagem vertical.
  3. O menu do site também se adapta ao dispositivo usado.
  4. É possível selecionar os conteúdos de destaque para o mobile.
  5. O tamanho das imagens também se adapta ao layout.

O site responsivo pode impulsionar as vendas

Os consumidores estão cada vez mais em busca de experiências positivas enquanto usam equipamentos móveis. Uma prova disso é que 43% dos usuários de smartphones desistem de um site que não carrega imediatamente e 41% afirmam que as chances de voltarem a esse site é mínima. É o que aponta um estudo da consultoria Provokers. Portanto, se o seu negócio não tem um site responsivo, a tendência é que o consumidor procure o site de outra marca.

Esses dados são de um teste realizado pelo Google com mais de 900 mil sites mobile. Segundo o teste, o tempo médio de carregamento das páginas pesquisadas foi de 22 segundos. O problema é que se um site responsivo demora mais de três segundos para carregar os usuários desistem da busca. Além da demora para carregar o conteúdo, outras reclamações muito comuns são a dificuldade de encontrar o que busca, falta de funcionalidade e problemas para finalizar uma compra, no caso das lojas virtuais.

Portanto, se você quer aumentar a visibilidade do seu negócio, atrair novos clientes e ampliar as vendas, precisa investir em um site responsivo. Mais do que uma tendência, é uma necessidade se adaptar ao comportamento das novas gerações. Se você ainda não está convencido, pode acessar outro post que publicamos aqui no blog: 4 motivos para ter um site responsivo. Inclusive, vale lembrar que em 2015 o Google implementou alterações em seu algoritmo e passou a dar prioridade aos sites adaptados para dispositivos móveis.

Fonte: Hostgator

WhatsApp chat